sábado, 14 de maio de 2011

paisagens do corpo - 1

Nos olhos da gaivota, tudo são paisagens de corpo...


Buscava nela amparo na ilusão dos olhos, no labirinto dourado dos cabelos, no corpo novinho como folha de alface: me procurava perdidamente na escuridão da boca falha das palavras poucas na alegria vazada sem beira., crédula de que o mundo acabava num par de bocas e promessas. deixei-a no aceno cego da rodoviária vazia. era tarde. eu tinha urgência do ar raro feito memória do corpo ainda tenso que me ofertava.

6 comentários:

  1. Olá, Susanna.

    Gostei deste trecho de 'proesia' - assim como do trecho anterior. Será um novo segmento no blog? Achei bem interessante mesmo, parabéns!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Marcos, a poesia brota de lugares estranhos e se manifesta como pode e como deve, nunca se esquecendo de que é poesia... Já fizera essa proesia em "Papel de riscos", publicada na Zunai. Bjs!

    ResponderExcluir
  3. parece que a poesia vai fluindo palavreada de vc... quase líquida, com uma coerência táo profunda que misteriosamente capta... como pode a beleza se instalar assim no sentir das pessoas?

    ResponderExcluir
  4. POETA SUSANA: MERGULHO E TRANSMIGRO NOS TEUS ESPELHOS RECRIADORES DE (I)-EMERSÕES SEMANTÚRGICAS ONDE OS DESDOBRAMENTOS PETROLÓGICOS-SIBILANTES-FAUNÍSTICOS DOS TEUS POEMAS POTENCIALIZAM SINGULARMENTE AS TENSÕES ERUPTIVAS DA INTERROGAǺAO DO MUNDO...HÁ UM RENASCIMENTO ME INFINITUDES RITMÁVEIS E DA EXPERIÊNCIA DAS CARTOGRAFIAS SUSANEANAS QUE NOS PROJECTAM PARA A AUSCULTAǺAO DAS ENERGIAS OCULTAS DO ILIMITADO EPARA AS RESSONÃNCIAS SECRETAS DO ESTAR-DEVIR...EIS A METAMORFOSE PRIMORDIAL DA ECLOSÃO DO VERDADEIRO-CORPO-RESISTENTE DA PALAVRA RESGATADORA DAS VISÕES MÁGICAS: REACTUALIZAǺAO DO IDIOMA-FENDA-OCEÃNICO etc etc...AGUARDO SEMPRE NOTÍCIAS TUAS

    ResponderExcluir
  5. Suas palavras, Luís, é que são erupções de sentido que vc transmigra para a semântica de uma expressão rochosa. Esta minha proesia é um mini(en)cont(r)o com o factível, com o humano dos acontecimentos... Mais nada.. bjs!

    ResponderExcluir
  6. simplesmente o constatar de uma singela gaivota... mas ñ é tão simples ser simples assim rs rs rs

    ResponderExcluir

Deixe suas pegadas por aqui